The Dictators: Pioneiros do punk reunidos e com o segundo novo single lançado

The Dictators: Pioneiros do punk reunidos e com o segundo novo single lançado


Os três membros fundadores do lendário grupo de hard rock/proto-punk de Nova Iorque The Dictators, o vocalista, baixista e compositor Andy Shernoff, o guitarrista base Scott Kempner e o guitarrista solo Ross “The Boss” Friedman, ícone do Manowar, estão de volta, agora com o baterista do Blue Öyster Cult, Albert Bouchard a bordo.

Considerado pelo crítico John Dougan como “uma das melhores e mais influentes bandas proto-punk que já existiram”, o The Dictators lançou no início de 2021 a sua primeira música nova em 20 anos: God Damn New York. Confira:

Como dito, Shernoff, Ross The Boss e Kempner contam agora com os serviços de Bouchard, o homem que tocou o infame cowbell em Don’t Fear the Reaper. O The Dictators e o Blue Öyster Cult se conhecem desde os primeiros dias, quando ambos compartilhavam o patrocínio do produtor/empresário Sandy Pearlman.

“Scott e eu tínhamos perdido contato com Ross, mas fomos trazidos juntos por alguns negócios do Dictators”, explica Andy. “Assim que foi acertado, Ross sugeriu que tocássemos juntos novamente. Era literalmente a última coisa que passava em minha mente, mas Scott estava entusiasmado, então sentei e finalmente eu disse ‘ok’ e… Caramba! Estou tão feliz por ter feito isso, porque me manteve ocupado durante a pandemia”, completou.

“Escrevi God Damn New York com minha esposa antes de nos casarmos, para um vídeo que nunca foi feito. Quando eu estava apresentando novas ideias de músicas à todos, esta recebeu um ‘joinha’. Então mudei a tonalidade, reescrevi a letra para dar a ela um pouco da arrogância dos Dictators e, voilà: a primeira nova música do Dictators em 20 anos! É uma espécie de carta de amor/ódio para a cidade de Nova Iorque”.

E o novo single da banda, Let’s Get the Band Back Together, foi lançado no último dia 21 de abril, também acompanhado de videoclipe:

Meu amigo Jesse Bates tinha uma música chamada Let’s Get the Band Back Together. Achei muito inteligente e engraçado, então perguntei se eu poderia brincar com isso e colocar minha versão. Ele disse, ‘vá em frente’, então fiz algumas alterações e gravei por conta própria alguns anos atrás, porém foi tão perfeito para o Dictators que não pudemos resistir”, recordou Andy.

“Para mim, Let’s Get the Band Back Together tem a mesma exuberância e alegria que Go Girl Crazy!”, acrescenta The Boss.

Para streaming da música, acesse AQUI.

Conhecidos por suas letras sarcásticas e pelo som agressivo, os The Dictators lançaram o que a Uncut Magazine chamou de “o primeiro álbum de punk rock”, The Dictators Go Girl Crazy, em 1975 – um ano antes dos Ramones. Tendo feito shows no início com os Stooges e New York Dolls, eles se tornaram regulares no CBGB’s, enquanto influenciavam bandas ao redor do mundo.

Antes de se separarem, os The Dictators lançaram mais dois álbuns (Manifest Destiny e Bloodbrothers) nos anos 70. Então Ross The Boss partiu para se juntar aos senhores do heavy metal, Manowar, enquanto que Scott fundou os pioneiros do rock de raiz, The Del Lords. Andy trabalhou como produtor e compositor enquanto também se apresentava com Joey Ramone e The Fleshtones.

Uma reunião no início dos anos 80 rendeu o clássico álbum ao vivo Fuck ‘em If They Can’t Take a Joke, e a banda passou a se apresentar esporadicamente até 1995, quando, percebendo a extensão de sua base de fãs e influência, mais uma vez se reformou em tempo integral. Numerosas turnês internacionais culminaram no álbum DFFD, de 2001, que foi o último de estúdio da banda. Depois de tocar no último final de semana do CBGB’s, em 2006, os The Dictators mais uma vez seguiram caminhos separados.

Foi necessária uma pandemia mundial para unir a banda novamente. Após uma sessão de gravação socialmente distanciada, a banda finalizou as novas gravações trocando arquivos pela internet. O primeiro lançamento foi God Damn New York. O segundo novo single dos The Dictators, Let’s Get the Band Back Together, teve sua estreia no programa Underground Garage Radio, de Little Steven, no ultimo dia 12 de abril. Mais músicas serão lançadas no final de 2021 e a banda está ansiosa para fazer uma nova turnê em 2022.

“Temos uma música pronta para ser lançada em junho e uma música especial sazonal sobre as férias marcada para dezembro. Esperamos gravar mais quatro faixas em junho e continuar lançando novas músicas e vídeos legais, até que as coisas estejam completamente liberadas”, revela a banda em nota para a imprensa mundial.

Para mais informações, visite: facebook.com/thedictators/

Fonte: Leandro Coppi  – Roadie Crew

Tchaina Bass

Tchaina Bass

Atua como baixista das bandas: Capa Preta Rock, Exclusão Social e Ligante Anfetamínico. Fundou o Selo Sub_Discos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 + 13 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.