O Rock na Minha Vida #05 com Fabiano Girard

O Rock na Minha Vida #05 com Fabiano Girard

“O Rock na minha vida” surge para fazer um resgate da memória, de momentos que marcaram a vida de um amante do rock. Quem não se lembra do primeiro disco de rock que ouviu, do primeiro álbum que escutou inteiro, da primeira discografia, do primeiro “airguitar”, do disco que mudou sua percepção sobre o rock…? São algumas lembranças imortalizadas pelo estilo que amamos, o ROCK!

Na quinta edição vamos contar a história de Fabiano Girard, apresentador do programa Sonorizando na Rádio Putzgrila (Quartas das 14-16h) e do Interferência Putzgrila (A qualquer momento).

O primeiro disco a gente nunca esquece:

Eu não tenho certeza exata do primeiro disco.
Quando eu era pequeno, meu pai colocava na vitrola Benito Di Paula, Martinho da Vila, Jorge Ben, Agepê, Lupicínio, Luiz Vieira entre outros …
Com certeza, esses foram os primeiros artistas que eu ouvi e não esqueço.
Disco de rock, eu lembro de um coletânea da “Lee Jeans – The Original Country Music” que tinha nomes como Willie Nelson e Johnny Cash. Esse é o primeiro disco mais próximo do rock que eu lembro de ter em casa.

O primeiro álbum completo:

Com certeza deve ter sido algo como “Balão Mágico” ou “A Casa de Brinquedos” do Toquinho, mas como o assunto aqui é rock, lembro que um dos meus primos se reunia com os amigos, e eu estava junto, para ouvir LPs e gravar algumas coisas em fita K7.
Eles nasceram no início dos anos 70 e eu sou do final de 78, então lembro de eles ouvirem muito INXS, Depeche Mode, Titãs e etc …
Deles todos, eu lembro de ouvir muito os álbuns “Cabeça Dinossauro” e “Jesus Não Tem Dentes no País dos Banguelas”. Provalvelmente, um dos dois são os meus primeiros álbuns de rock completos.

“Air Guitar” 

Além do meu tio que tocava violão, o outro cara que me influenciou a tocar um instrumento foi o Slash, então com certeza os “Air Guitar” que eu não esqueço são do Appetite For Destruction do Guns N´ Roses.
Como sou baixista, então faço a citação do “Air Bass” em homenagem ao meu ídolo maior no instrumento: Jeff Ament (Pearl Jam).
Esse eu faço “Air Bass” sempre hehehe!

Qual o disco mudou sua percepção musical?

São vários e fica complicado citar um, então vou citar quatro:
– Ten (Pearl Jam);
– Appetite For Destruction (Guns N’ Roses);
– Vários álbuns da discografia do David Bowie;
– Tommy (The Who).

Qual disco tu indicaria pra quem está começando ouvir e quer se aprofundar no Rock?

Escolha difícil.
Talvez, o óbvio seria citar The Beatles, Elvis Presley, Little Richard ou Chuck Berry, que eu não tenho o costume de ouvir, mas respeito muito a obra deles.
Acredito que David Bowie é uma ótima pedida!
Começaria pelo final da discografia, talvez o álbum Reality (2003) ou o The Next Day (2013).
Acredito que esses dois álbuns são a síntese da obra dele e são meus preferidos.
Sendo a síntese da obra do Bowie, com certeza é a síntese da música até hoje hehehe!

E pra aquele amigo que não gosta de Rock, o que tu indicas?

Buenas, aqui cabe um Elvis Presley, The Beatles, The Rolling Stones, The Who, Led Zeppelin e Neil Young.
Acredito que começando por essas véias estará bem encaminhado.

Rádio Putzgrila

Rádio Putzgrila

A Putzgrila é um veículo de rock consolidado na internet, com mais de 14 anos de programação ao vivo, transmissões de festivais, notícias, lançamentos e cobertura de shows nacionais e internacionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um + 4 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.