Trio Polar lança 1º videoclipe

A banda Trio Polar lança na próxima quarta-feira, dia 12 de dezembro, o videoclipe da música Mentes Tatuadas, o Evento será no London Pub em Porto Alegre, a partir das 21h.
 
O momento marca  também o lançamento da banda nas plataformas digitais Spotify e Deezer, como Nando Ramoz & Trio Polar. As faixas Mentes Tatuadas e Velha História.
 
A Banda Trio Polar surgiu em 2002 para dar vazão ao extenso trabalho criativo e musical de Fernando Ramos, lider da banda. Desde então faz um som peculiar e com identidade própria. Transita entre o blues e o rock com levadas psicodélicas, mpb, bossa e jazz, as vezes lisérgico e por outras pragmático. Psico Ska pós Punk também aparece em algumas músicas. Não é possível classificar o trabalho em apenas um estilo. Ao vivo soa conforme o vigor e a exigência do show.
Nando Ramoz: Guitarrista, Violonista, Produtor, Iluminador, Poeta, Escritor, Roteirista, Diretor, Ator e Músico desde 1969, já tocou na noite Porto-alegrense além de Pelotas, Rio Grande, Litoral do RS e Florianópolis.
Desde a infância convive com os grandes nomes da MPB e do Rock Internacional. Na juventude, através das rádios AM, compactos, Lps e fitas K7 adquiridos ou trocados com a turma. Daí veio a influência de suas músicas.
Formou sua primeira banda em 1973.
Traz em suas composições as marcas da sociedade adversa, da ditadura militar, das relações humanas e amorosas. Fala de relações vividas e imaginadas. Traz nas letras cortantes, versos sem concessão, sobre violência, traição, drogas e amores perdidos.
Outros integrantes da atual formação:
Carlito Silva: Contrabaixista, desde os anos 80, começou no Rio de Janeiro participando da efervescência do Rock.Integra também as bandas Ilusão de Ótica, Lady Evil e Barão Tributo.
Alexandre Beck: Baterista há mais de 30 anos, já tocou em várias bandas e hoje integra também a Ilusão de Ótica.
Em novo projeto o Trio Polar lança em 2018, duas músicas em formato virtual, via OneRPM para as plataformas de streaming, Spotify e Deezer.
 
As músicas lançadas foram gravadas no Estúdio Onzi.
Produção e Bateria: Paulo James (Acústicos e Valvulados e Stones Blues)
Guitarras e violões: Nando Ramoz
Baixo: Carlito Silvo
Luciano Leães (teclados) Daniel Mossmann (guitarra adicional), Ronaldo Pereira(saxofone)
Mixagem e Masterização: Vini Tonello e Egisto Dal Santo

Velha História (Nando Ramoz)
 
É só uma velha história, sem honra sem brilho sem nada
Sem glória, e eu vou lhe dizer
Começou naquela noite
Frio, chuva e o vento, cortava como um açoite
Então te conheci
 
Não me importa, não, eu não sei, as respostas
E nem os meus limites (Bis)
 
Meu caderno era antigo, minha agenda, não levei comigo não
Você tomou, de mim
Quis roubar os meus amigos, endereços, telefones
Ficou só com os antigos, e eu me vinguei ali
 
Não me importa, não, eu não sei, as respostas
E nem os meus limites (Bis)
 
Rumei prá estrela do norte
No caminho, eu não tive sorte, não, não…
Por isso eu retornei
Te encontrei naquela esquina, traficantes, vagabundos
Pegaram a menina, e eu te deixei ali…
 
Vai e volta, vai e vem… ou não me importa não…
Não, não não… Você não tem Limites
 
Vai e volta, vai e vem… ou não me importa não…
Não, não não… Você não tem Limites
Não tem nenhum….

 

Mentes Tatuadas (Nando Ramoz)
 
Alguém cortou a minha pele, eu sei, sangra até agora
Eu sei, ficaram, cicatrizes
Meu pensamento é escravo, por sua própria opção
 
Com as cartas já marcadas, eu sei,
Minha mente tatuada, eu sei
Ombros, peitos, coxas
Resta pouco espaço, prá me cortar
 
Vem, realizar, ou meus, os teus, os nossos, desejos
Vamos misturar, nossas mentes Tatuadas (Bis)
 
Alguns corte são profundos, eu sei
Marcas no meu rosto, eu sei
Corpos enganados
Fomos obrigados, a nos reprimir…
 
Vem, realizar, ou meus, os teus, os nossos, desejos
Vamos misturar, nossas mentes Tatuadas (Bis)
Compartilhe:

Related posts

Leave a Comment

onze + dezessete =

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.