Libertà para Os Replicantes

Libertà para Os Replicantes Banda clássica de punk rock lança 2 singles inéditos Uma da maiores bandas de punk rock da América Latina, Os Replicantes chamaram os playboys de calhordas, viciaram-se em nicotina, flertaram com as ideais rajneesh e escreveram sobre guerrilheiros sandinistas. São mais de 33 anos de carreira musical, mas quem está contando?!  Eles querem mais. Os punk rockers dos pagos do sul levam mesmo a sério o bordão “Go Ahead”. Júlia Barth, Heron e Claudio Heinz e Cleber Andrade são o time de androides que segue o…

Morrostock de Peso: quatro bandas gaúchas tocarão ao lado do lendário GBH

Morrostock de Peso: quatro bandas gaúchas tocarão ao lado do lendário GBH Já deram o punk como morto. Quando perceberam que ainda estava vivo, tentaram sufocá-lo novamente. Mas o estilo é forte, segue firme — por vezes combalido, outras com vigor — há mais de 40 anos. E, de acordo com seus adeptos, deve continuar assim enquanto houver insatisfação. O que não falta não nos dias de hoje, seja onde for. Tanto que o cenário gaúcho tem uma caldeirão de bandas do gênero gritando seus dissabores aos quatro ventos. Algumas…

Os Replicantes prepara festa punk no Batemacumba

Celebrando os últimos dias de shows em Porto Alegre, a casa noturna Batemacumba prepara uma festa punk com Os Replicantes. A mais clássica banda da cena rockeira do sul sobe ao palco do bar na próxima quinta-feira (30) para um show cheio de moshs e pogos. A noite ainda conta com a abertura da banda PunkZilla. Os Replicantes chamaram os playboys de calhordas, viciaram-se em nicotina, flertaram com as ideais rajneesh e escreveram sobre guerrilheiros sandinistas. Estas histórias continuam a ser contadas pela voz rasgada de Júlia Barth. A vocalista…

Música ao Pôr do Sol – Praia de Imbé 11 de Fevereiro

Música ao vivo + food trucks + cerveja artesanal + empreendimentos criativos + esportes + espaços públicos

A receita do MAPS é daquelas fáceis de fazer e que não tem erro: é sucesso garantido! A parada criativa, que já teve duas edições realizadas em Porto Alegre, agora pega a estrada para continuar garantindo uma programação cultural com entrada franca, movimentando a economia local fomentada e trazendo bem estar para a comunidade!
Imbé já tem data marcada para receber esta festa! Dia 11 de fevereiro o litoral vai tremer com muita música, rangos delícia e aquela brisa que todos amamos!

Um Hippie, um Punk, um Rajneesh no Porto Verão Alegre 2017

A peça é livremente inspirada na música gravada pela banda Os Replicantes. Na obra essas três figuras dos anos 80 do Bairro Bom Fim se transformam nos personagens o hippie, o punk e o rajneesh e as suas namoradas. O texto é uma comédia que fala dos conflitos vividos por essa geração pós-hippie, meio punk, meio zen. Ficha técnica: Autor: Ricardo Silvestrin Direção: Bob Bahlis Elenco: José Henrique Ligabue, Marcos Sigales, Pingo Alabarce, Fernanda Carvalho Leite, Julia Barth e Miriã Possani Luz: Marga Ferreira Fotos: Marcos Sigales 18º PORTO VERÃO…

Marquise 51 – Lança a Coleção de cervejas “Rock Gaúcho Cervejeiro”

Rock and Roll e cerveja é uma combinação que já pode ser considerada clássica. Enquanto as maiores bandas do mundo lançam sua versão do néctar de malte, os sons produzidos no Rio Grande do Sul não poderiam ficar fora dessa. Misturando o sabor da cerveja artesanal com a qualidade da música produzida por estes pagos, a Marquise 51 Records lança a 1º edição da coleção Rock Gaúcho Cervejeiro.

Os Replicantes comemoram 30 anos de carreira em show histórico

Uma das principais bandas de punk de Porto Alegre e do Brasil, OS REPLICANTES, completam 30 anos em 2013, e, para comemorar, farão um show histórico, com a participação de todos os integrantes que participaram do grupo ao longo da carreira: Julia Barth, Claudio Heinz, Heron Heinz, Cleber Andrade, Carlos Gerbase, Wander Wildner e Luciana Tomasi. Esse raro (e talvez único) encontro rolará na próxima segunda-feira, dia 09, no Bar Opinião. Segundo o baixista do “Repli”, Heron Heinz, é muito difícil juntar todos os ex-integrantes para um show, por conta…

Som pesado no Morrostock 2012: um pouco sobre a primeira noite de shows do festival

Homero Pivotto Jr. Colaboração: Paulo Caramês O festival Morrostock deste ano apresentou algumas novidades. Uma delas é a mudança completa de local. Em 2012, toda a programação musical do evento – que conta ainda com debates, workshops, oficinas e outras atividades ligadas, principalmente, à sustentabilidade e produção da cultura independente – foi transferida para o Sítio Picada Café, em Sapiranga. Em anos anteriores, ao menos as noites dedicadas ao som mais pesado (metal,  punk/hardcore e afins) rolavam no Bar do Morro, ao pé do Morro Ferrabraz, também em Sapiranga.  Porém,…