Livro destaca os ‘santos’ e os ‘sobreviventes’ do metal

       A editora inglesa Plexus acaba de lançar no mercado mais um livro escrito por Mick O’Shea. “Cemetery Gates: Saints And Survivors Of The Heavy Metal Scene” (224 pp.). O autor de obras como “The Anarchy Tour” (2012) e “The Early Days Of The Sex Pistols : Only Anarchists Are Pretty” (2004), ambos sobre os Sex Pistols, destaca que entre a genialidade  e a loucura, neste mundo e no próximo, não existe nada entre a pulsação arterial e o portão do cemitério.      Embalado com tantos egos…