Punk Ainda Esta Vivo Conheça 12 Bandas Estrangeiras de Punk Rock

Punk Ainda Esta Vivo Conheça 12 Bandas Estrangeiras de Punk Rock

Avertente da contracultura do rock pulsa com intensidade em meio ao regresso sociopolítico e confrontos que deveriam ter ficado no passado

A coexistência entre diferentes gêneros musicais sempre foi acompanhada (lê-se praguejada) pelo fanatismo que coloca, por exemplo, o rock em disputa de popularidade com o rap, ou ignora a potência do funk e do k-pop em 2020.
Em 2019, enquanto muitos profetizavam a morte do rock graças à ascensão mimética do Greta Van Fleet e o surgimento de uma infeliz onda de rockstars velhos se mostrando conservadores e retrógrados, o hip-hop aproveitou para tomar as rédeas e comandar tudo que dizia respeito a relevância no universo criativo da música.
Beatkmakers e MCs tinham mensagens muito mais urgentes a serem ouvidas. E apesar de achar que esse ainda seja o caso nos dias de hoje, me peguei questionando a força do punk nestes últimos tempos, afinal, apesar do protagonismo total e merecido do rap na indústria fonográfica, com certeza deviam haver ainda bandas atuais comprometidas em não deixar morrer a energia e os ideias carregados pelo movimento da contracultura não-conformista.
E abaixo, você encontra o resultado desse meu auto-questionamento: 12 bandas gringas contemporâneas que provam a força do punk em 2020, ano que implora por gritos antifascistas e posturas firmes contra o regresso sociopolítico.
E sim, especificar que essas são bandas internacionais significa que, em seguida, a ideia é destacar as principais bandas nacionais.

Amyl and the Sniffers

Número de discos: 1 (além de dois EPs)

Disco mais recente: Amy and the Sniffers (2019)

https://www.youtube.com/embed/9QX4bQPw-_w

Metz

Origem: Ottawa, Canadá

Número de discos: 4

Disco mais recente: Atlas Vending (2020)

https://www.youtube.com/embed/uaM6pwskDh0

Dope Body

Origem: Baltimore, Estados Unidos

Número de discos: 5

Disco mais recente: Home Body (2020)

https://www.youtube.com/embed/orBuaoOGDQQ

The Coathangers

Origem: Atlanta, Estados Unidos

Número de discos: 6

Disco mais recente: The Devil You Know (2019)

https://www.youtube.com/embed/RgpvNdmCkHM

Idles

Origem: Bristol, Inglaterra

Número de discos: 3

Disco mais recente: Ultra Mono (2020)

https://www.youtube.com/embed/mRkUt9VnaR0

USA Nails

Origem: Londres, Inglaterra

Número de discos: 5

Disco mais recente: Character Stop (2020)

https://www.youtube.com/embed/zSrBoSdM3go

Higher Power

Origem: Leeds, Inglaterra

Número de discos: 2

Disco mais recente: 27 Miles Underwater (2020)

https://www.youtube.com/embed/y52LqfSIVd0

Queen Zee

Origem: Liverpool, Inglaterra

Número de discos: 1

Disco mais recente: Queen Zee (2019)

https://www.youtube.com/embed/vgFCOYNCxyU

Otoboke Beaver

Origem: Kyoto, Japão

Número de discos: 9

Disco mais recente: Itekoma Hits (2019)

https://www.youtube.com/embed/fkWfFXnLpYg

Control Top

Origem: Filadélfia, Estados Unidos

Número de discos: 1

Disco mais recente: Covert Contracts (2019)

https://www.youtube.com/embed/hnoSdi3Slsc

Fidlar

Origem: Los Angeles, Estados Unidos

Número de discos: 3

Disco mais recente: Almost Free (2019)

https://www.youtube.com/embed/NRP5EGw_Lhk

Turnstile

Origem: Baltimore, Estados Unidos

Número de discos: 2

Disco mais recente: Time & Space (2018)

https://www.youtube.com/embed/HYzzmGjsWoE

Tchaina Bass

Tchaina Bass

Atua como baixista das bandas: Capa Preta Rock, Exclusão Social e Ligante Anfetamínico. Fundou o Selo Sub_Discos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 − 2 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.