Marcelo Gross usa a guitarra para flutuar em Porto Alegre

 

gross-disco-novo
Em uma noite de segunda com muita chuva em Porto Alegre, o cachorro grande Marcelo Gross lançou o seu primeiro álbum solo, “Use o Assento Para Flutuar”. Recém saído do “forno”, o disco debutante de Gross apresenta uma sonoridade rock’n’roll no seu melhor estilo, onde a guitarra reina soberana, algo que parece deixar o guitarrista e vocalista gaúcho muito confortável no palco.

No show, Gross contou com a presença do baixista Fernando Papassoni e do baterista Clayton Martin, formando um legitimo power trio. Em estúdio, a gravação do disco contou ainda com o tecladista norte-americano Charly Coombes, da banda Supergrass.

Com público um pouco comprometido por conta do clima ruim, a Phantom Powers tratou de quebrar o gelo na abertura, fazendo uma apresentação enérgica, como vem sendo a marca registrada da dupla. Em seguida, Gross abriu a sua apresentação com a faixa “Trilhos”, uma das músicas carro-chefe de seu primeiro trabalho.

Os presentes ao Bar Opinião puderam conferir um a um os sons de “Use o Assento Para Flutuar”, com destaque para as faixas “Disfarça”, “A Hora de Levantar” e a balada “Eu Aqui e Você Nem Aí”.  Quem já tava com saudades da banda Cachorro Grande, que tocou recentemente na capital, pode curtir ainda de brinde “Dia Perfeito”, um dos grandes clássicos da banda.

O show seguiu em um clima descontraído, com bate-papo entre Gross e o público, e foi uma ótima oportunidade para curtir de perto o álbum de estreia do músico, que, aliás, é também o primeiro álbum solo de algum Cachorro. “Nessa Trip” fechou a apresentação, com a principal marca da noite – Gross “flutuando” em sua guitarra.

—————–

Texto: Manoel Canepa

Foto: Damon Meyer

Related posts

One Thought to “Marcelo Gross usa a guitarra para flutuar em Porto Alegre”

  1. Thiago Guedes

    Deve ter sido muito afudê!

Leave a Comment

três × três =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.