Camila Toledo apresenta Especial Billie Holiday no Espaço Cultural 512

Camila Toledo apresenta Especial Billie Holiday no Espaço Cultural 512

Espetáculo com entrada franca faz parte do projeto Homenagem ao Jazz – 2ª edição

No dia 31 de maio (quinta-feira), às 22h, o projeto Homenagem ao Jazz leva para o Espaço Cultural 512 o espetáculo musical Especial Billie Holiday, com a cantora Camila Toledo e banda formada por Dado Silveira (bateria), Fernando Spillari (piano), Gabriel Nunes (contrabaixo acústico) e Rodrigo Sievo (Sax e Clarinete). A entrada é franca.

Como um tributo à obra de uma das maiores representantes do jazz norte americano, Camila interpreta canções gravadas por Billie Holiday, em show entremeado por leituras de prosas e poesias.

A voz marcante da artista e ativista Camila Toledo passeia entre o Blues, o Jazz e o Soul. Por meio da música, Camila busca difundir a atuação de artistas negras e negros e o empoderamento feminino. Foi atração do Mississipi Delta Blues Festival, em Caxias do Sul, quando homenageou Etta James, uma das maiores cantoras do Blues. Como produtora, idealizou o Festival Nós Outras, realizado por um coletivo feminino de produção e que buscou apresentar a cena porto-alegrense de bandas formadas por mulheres.

O projeto Homenagem ao Jazz tem o Patrocínio Master da Souza Cruz, com financiamento pelo Pró-Cultura RS/Governo do Estado do Rio Grande do SulApoio: Instituto Estadual de Música, Agibank e Poa Jazz Festival. Realização: Branco Produções, Fly Áudio e Experimentais | CriaCultura.

Serviço

Homenagem ao Jazz  – Tributo a Billie Holidaycom Camila Toledo e banda

Dia 31 de maio, quinta-feira, às 22h

Espaço Cultural 512 – Rua João Alfredo, 512 – Cidade Baixa – Porto Alegre/RS

ENTRADA FRANCA

Sobre o projeto Homenagem ao Jazz

Inicialmente fazendo parte do POA JAZZ FESTIVAL, o projeto Homenagem ao Jazz nasceu como um tributo a músicos brasileiros que influenciaram o Jazz e a música instrumental pelo mundo todo. Em 2015 e 2016, João Donato e Milton Nascimento receberam homenagens, com concertos ao ar livre na Capital gaúcha. A partir de 2017, o projeto ganhou vida própria, tendo como homenageado o músico Hermeto Pascoal.

Em sua segunda edição, o projeto Homenagem ao Jazz contemplou uma série de atividades – todas com entrada franca. No dia 22 de abril, o projeto realizou um tributo a João Bosco, com espetáculo ao ar livre com a big band The Brothers Orchestra, no Parcão. O músico participou da homenagem, revisitando clássicos de sua carreira. Cerca de cinco mil pessoasacompanharam o evento, que teve também apresentações de grupos de jazz do RS: Kiai GrupoCamila ToledoCaio Maurente Trio e Rodrigo Nassif Trio.

Palco Choro Plauto Cruz – criado para homenagear o flautista portoalegrense, falecido recentemente – recebeu, nos dias 27 e 28 de abril, na Travessa dos Cataventos da Casa de Cultura Mario Quintana, shows do grupo Choro Novo (Oficina de Choro Santander Cultural), Nani Medeiros, Mathias 7 Cordas e Terra Brasilis. Um dos mais importantes músicos do Rio Grande do Sul, Plauto Cruz recebe esta homenagem pela importância de sua obra e sua excelência como músico. “O jazz é uma música que inclui diversas manifestações musicais, que se amalgama com outros estilos e se estrutura nessa liberdade de criação. Tem em comum com o Choro, o improviso, onde Plauto era mestre. Assim, é com absoluta naturalidade que incluímos o Choro no Homenagem ao Jazz, e Plauto Cruz, com sua mágica flauta e seu carisma musical contagiante, é o nome perfeito para esta comunhão entre os gêneros”, afirma Carlos Badia, curador do projeto.

Entre abril e maio, três bares da Capital que tradicionalmente apoiam o Jazz – London PubGravador Pub e Espaço Cultural 512 – receberam shows de Kiai GrupoCaio Maurente Trio e Rodrigo Nassif Trio, encerrando as apresentações com o Especial Billie Holiday da cantora Camila Toledo. Os músicos – que foram escolhidos também para a abertura do tributo a João Bosco – são expoentes no cenário da música instrumental do Rio Grande do Sul e se apresentaram na primeira edição do projeto Villa do Jazz, em 2017.

Outra característica do projeto é o incentivo à formação de público para o jazz. Para tanto, nessa edição serão realizadas 45 oficinas musicais para crianças e adolescentes da Rede Municipal de Ensino e ONGs. As oficinas vão acontecer em junho e serão ministradas pelos oficineiros Alexandre MisselPedro Henrique Sena e Guilherme Sanches.

Além dessas atividades, a Poa Jazz Band – banda itinerante do Poa Jazz Festival – levou música para as ruas e locais públicos de Porto Alegre. Foram 15 saídas-surpresa, em que a já conhecida e animada banda interagiu com as pessoas e divulgou a programação do projeto.

Ficha Técnica

Coordenação Executiva: Carlos Badia, Rafael Rhoden e Carlos Branco

Curadoria: Carlos Badia

Realização: Experimentais-CriaCultura, FlyAudio e Branco Produções

Produtores Executivos: Bruno Melo e Mateus Staniscuaski

Coordenador de Produção: Carlos Branco, Rafael Rhoden e Carlos Badia

Equipe de Produção: Bruno Melo, Mateus Staniscuaski, Carlos Badia, Carlos Branco, Rafael Rhoden, Eduardo Elias, Luiz Selmar, Vítor Badia, Daniela Ramirez.

Assessoria e Coordenação de Projeto: Daniela Ramirez

Assessoria de Imprensa: Adriana Martorano e Juliana Prato

Redes Sociais: Agência Oficial

Jornalista/Produção de Conteúdo: Roger Lerina

Arte: Giovane Silva (Giovane Design)

Direção de Palco: Elias Preto

Roadies: Marcelo Campos

Técnico de Som: Tiago Becker

Sonorização: MS Produções

Patrocínio Master: Souza Cruz

Apoio: Poa Jazz Festival | Agibank | Instituto Estadual de Música | Secretaria de Cultura, Desporto e Turismo do Estado do RS | Casa de Cultura Mario Quintana

Related posts

Leave a Comment

dezesseis + um =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.