Arnaldo Antunes apresenta novo ‘Disco’ e embala o Auditório Araújo Vianna

O cantor e compositor Arnaldo Antunes apresentou-se na noite de ontem, em Porto Alegre, divulgando o seu mais recente trabalho, o álbum denominado ‘Disco’, recém lançado no mercado. Esse é o décimo-terceiro disco solo do ex-Titã (contando o ‘Tribalistas’,  gravado em conjunto com Marisa Monte e Carlinhos Brown).

Já nas primeiras músicas do show, o público presente ao Auditório Araújo Vianna pode conhecer as novas músicas de Arnaldo, como, por exemplo, “Muito Muito Pouco”, “Sou Volúvel”, “Trato” (um groovaço) e “Dizem (Quem me Dera), que apesar de ainda não muito conhecidas, foram bem recebidas.

O show do álbum ‘Disco’ conta com projeto de luz (e sombras) de Anna Turra, cenário e vídeos de Marcia Xavier e Anna Turra e figurinos de Marcelo Sommer. Esse interessante ‘combo’ visual ficou muito bacana, explorado ainda mais em algumas execuções, como em “Hotel Fraternité”.

Quando Arnaldo tocou “A Casa é Sua” e “Contato Imediato” o público não conseguiu mais permanecer sentado nas dependências do auditório, e, como já é habitual no Araújo Vianna, levantou-se e começou a dançar.

O trabalho anterior à ‘Disco’, desse que é o cantor que possui umas das vozes mais graves e características do país, havia sido o ‘Especial MTV – A Curva da Cintura’, disco acústico. Agora totalmente plugado, Arnaldo manteve um momento ‘banquinho’ no espetáculo, em músicas como “Azul Vazio” (do novo disco), “Saiba” e “Meu Coração”, essa última cantada em coro pelo público.

Após o momento mais suave do show, chegou o momento de Porto Alegre curtir toda a qualidade da banda de Arnaldo, formada por um time seletíssimo: Curumin (Bateria), Edgard Scandurra (guitarra), Betão Aguiar (baixo), Chico Salem (guitarra e violão) e André Lima (teclados e sanfona). Nesse momento do set, vieram as músicas mais embaladas de ‘Disco’, como “Ela é Tarja Preta” (música bem humorada e talvez uma das maiores candidatas a virar hit), “Vá Trabalhar” e “Sentido”.

A essa altura quase não era mais possível encontrar alguém sentado no Araújo. Cabiam ainda alguns clássicos do cantor. “Invejoso”, “Fora de Si”, “Socorro” (uma das mais pedidas no bis) e “Passe em Casa” empolgaram e fecharam a apresentação. Baita show!

 

Compartilhe:

Related posts

Leave a Comment

2 × dois =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.